No CAMP Oeste, desenvolvemos nosso trabalho voltado aos jovens com objetivo de consolidar suas principais características ou aptidões, para isto, trabalhamos as potencialidades individuais e os medos em relação a carreira.

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística)  o desemprego entre jovens de 14 a 24 em 2015 foi próximo de 16%, taxa considerada elevada em relação a maiores de 24 anos. Este cenário de incertezas gera desconfiança entre os jovens na busca pela oportunidade de emprego. No entanto, vale lembra-los que: são responsáveis pela empregabilidade, tendo como diferencial a busca incessante pelo conhecimento. Passo que pode ser o grande diferencial para driblar os problemas no mercado de trabalho.

Muitas vezes, eles se esquecem (ou ignoram) que todos os dias temos oportunidades. Isso mesmo; a vida é a principal delas. Cada dia é uma chance de mudar a nossa realidade, por mais difícil que ela pareça ser. É claro que para alguns, as barreiras podem ser maiores ou mais difíceis de transpor, mas nunca impossíveis de vencer. Não existe obstáculo grande o suficiente para interromper ou parar o sonho de alguém se essa pessoa tem a real vontade de mudar e construir o seu futuro.

Entretanto, muitos acreditam que a mudança deve ser feita com atitudes grandiosas e revoluções e, na verdade, não é nada disso. A principal e mais efetiva mudança é a partir de si mesmo. Quando descobrimos quem somos, aprimoramos nossas habilidades e lutamos para desenvolver as nossas dificuldades, estamos dando um grande passo para um futuro melhor. Não adianta a pessoa querer um emprego de uma posição elevada se ela não faz nada para que isso aconteça. Como diz o Mao Tsé Tung: toda caminhada começa com o primeiro passo. Portanto, é necessário sair da inércia e passar a romper as suas barreiras para atingir os seus objetivos.

O Desenvolvimento Pessoal é a qualidade da renovação. É ela que nos possibilita crescer, fazendo-nos sentir mais eficientes, nos dá autoconfiança, nos possibilita administrar e planejar melhor a nossa vida pessoal e, consequentemente, a vida profissional.

Marcelo oliveira_jovem aprendiz

 

Escrito por:

Marcelo Oliveira

Coordenador de Mobilização de Recursos

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Close Panel