Imagine você: chega em uma loja pra comprar um tênis, existe um modelo na vitrine só para exposição e você pergunta para o vendedor se ainda tem o seu número. O vendedor por sua vez, diz que “acha” que tem, pois nesta loja não existe um controle de estoque mecânico, ele pede pra você esperar que ele irá verificar em seu estoque. Te dá um cafézinho e pede para esperar um pouquinho. Esse vendedor volta mais de 30 minutos depois com inúmeras caixas, com diversos modelos de tênis, menos o que você pediu.

Nesse meio tempo, você cria expectativas sobre o produto e até imagina aquele pisante inserido no seu rolê de sábado, quando nenhum modelo que o vendedor trouxe lhe chama a atenção (até porque, poxa! já me imaginei com aquele tênis) respectivamente sua expectativa não foi atendida, gerando frustração. Ou ainda, você esperou por tanto tempo que acabou indo embora da loja.

Esse tipo de situação poderia ter sido evitada com uma boa gestão do estoque. Pequenas (mas importantíssimas) ações como um software de controle de estoque e gestão do espaço físico, organizando itens em prateleiras e setores, evitam perdas, desperdício e compras de itens que já tenha no estoque.

O primeiro benefício da organização do estoque é o financeiro. Deixamos de comprar mercadorias que existem em excesso no estoque e podemos trabalhar com sazonalidade sem afetar o orçamento.

Outro benefício é a melhor gestão do tempo, já que o estoquista saberá exatamente onde está o produto/material e quantas unidades tem. Isso economiza tempo e respectivamente, dinheiro.

Otimização do espaço, diminuição do retrabalho. São alguns benefícios da organização do estoque. Aqui no CAMP OESTE o curso de APRENDIZ DE ESTOQUISTA dá ao jovens toda parte teórica sobre organização e gestão do estoque.

O CAMP OESTE tem o jovem aprendiz de estoque que a sua empresa precisa!

 

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Close Panel